Você não adicionou nenhum item ao seu pedido

Total: R$ 0,00

em 27 Ago
  • Categoria: Aprendendo Sobre Café

A história do catuaí, considerado o primeiro cultivar arábica produzido pelo homem, começou com o geneticista Alcides de Carvalho. Pesquisador do Instituto Agronômico de Campinas (IAC), ele cruzou, em 1949, duas variedades do tipo arábica: mundo novo e caturra.

O resultado do cruzamento gerou uma planta repleta de qualidades. Como herança genética do mundo novo, o varietal catuaí adquiriu bom vigor e rusticidade; do caturra, herdou o porte mais baixo e a excelente capacidade de produção. Desde então, o resultado da performance deste varietal cresce e aparece. Prova disso vem do campo: atualmente, o catuaí é cultivado em 45% das lavouras nacionais. E também merece destaque no cenário internacional! A subespécie 100% brasileira traz ainda outro dado interessante: apresenta dois grandes grupos de variedades, o catuaí amarelo e catuaí vermelho. A variedade do café catuaí amarelo foi a primeira a ser desenvolvida durante as pesquisas, realizadas na primeira metade do século XX. Já a variedade do catuaí vermelho originou-se de uma recombinação das cultivares caturra amarelo e mundo novo. O cruzamento artificial privilegiou cafeeiros selecionados em razão da produtividade. Na lavoura, ambos apresentam ampla capacidade de adaptação, o que é muito apreciado pelos produtores do grão. Também a alta produtividade de ambos leva o varietal a figurar na maioria das regiões cafeeiras do Brasil e até mesmo de outros países, como a Colômbia. Mas, aqui, o que mais interessa é o sabor, certo? Na xícara, tanto o fruto amarelo quanto o vermelho têm características em comum: tendem a ser leves e suaves, com acidez média. O sabor é nitidamente adocicado e pouco encorpado. Mas há diferenças, ainda que sutis. O café catuaí amarelo é um tanto menos encorpado que seu irmão de frutos vermelhos. De acordo com especificidades de linhagem, os cafés catuaí amarelo podem apresentar como diferenciais notas de caramelo e banana, por exemplo. Em síntese, o catuaí amarelo é mais suave, delicado. Fonte: u.Coffee https://blog.ucoffee.com.br/cafe-catuai/

Compartilhe:

Comentários ()

Ninguém comentou ainda, seja o primeiro.

Escreva seu Comentário